quinta-feira, 6 de setembro de 2007

Palminhas, olaré!

Um bom remédio que os psiquiatras poderiam receitar aos seus pacientes depressivos seria um CD carregadinho de gravações de fortes aplausos.
Posologia: uma boa dose de palminhas em casa, outra no trabalho, também no carro, no ginásio e, está claro, ao deitar.