quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Nem é tarde nem é Sado

Sadomasoquista: aquele ou aquela que é vítima das cheias do rio Sado e teima em viver nas suas margens. 

Marginal: aquele ou aquela que vive nas margens do rio Sado.