domingo, 31 de maio de 2009

MFL


Manuela Ferreira Leite

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Bento ao vento


Papa Bento XVI

terça-feira, 26 de maio de 2009

Lou profile


Lou Reed

segunda-feira, 25 de maio de 2009

O condenado


O regime da Venezuela condenou este homem ao poder perpétuo.

domingo, 24 de maio de 2009

Vai uma maçãzita?

Foi por isso que eu mudei de religião. Milagres não faz, mas não deixa ninguém ficar mal.





sábado, 23 de maio de 2009

A mim ninguém me compreende...

No fundo os adeptos do tunning são como as meninas que não estão felizes com o seu corpo e, por isso, recorrem às plásticas. Aumentar o seios, reduzir a anca, afiar o nariz...

É um direito que lhes assiste. Dizem eles. De maneiras que até já se sentem injustiçados. Acham que ninguém os compreende.

De facto, é difícil entendê-los. Para que é que compram um carro se sabem que não os vai fazer felizes? Ou porque um avental é que lhe assentava bem, ou porque a gente gosta é deles com as jantes largas, ou porque um aileron naquele traseiro ficava-lhe mesmo a matar, e com mais uns cavalitos é que era…

Ainda o anúncio das barragens da EDP

Não sou contra as barragens só porque sou. Concordo que a sua construção é necessária (o computador onde escrevo estas balelas, por exemplo, até está ligado a um ficha eléctrica, cuja energia é proveniente de uma barragem). Mas aquilo que toda a gente sabe, é que o impacto que uma nova barragem causa em todo um ecossistema é sempre devastador. Quanto muito, o que se faz (ou se devia fazer) é minimizar os danos ou criar alternativas. E isto, ao contrário do que é dito taxativamente na actual campanha publicitária da EDP, não protege as espécies. De modo algum. O anúncio é de um mau gosto atroz. É maquiavélico. A ideia de projectar uma natureza "virtual" no imenso muro de betão é gozar com a cara das pessoas. É fazer delas estúpidas.

Mas, se as pessoas não são estúpidas, fazem-se. Porque a verdade é que a maioria está-se a borrifar para o assunto. O mais provável é a musiquinha do anúncio (da lavra do inefável Paulo Gonzo) ainda vir a ser a banda sonora de uma novela da TVI.

sábado, 9 de maio de 2009

O triunfo dos porcos

Como diagnosticar a gripe suína? Pelos espirrecos.

Nem ao diabo lembra II

Sugestões onde se pode aplicar esta eficaz táctica da EDP:

1. Querem acabar com a violência doméstica? Fácil. Constrói-se uma espécie de sala de chuto e fecham-se lá dentro as vítimas. Obviamente na companhia dos seus zelosos agressores;

2. Querem proteger as criancinhas dos pedófilos? Canja. Faz-se um infantário com um quadro de pessoal constutído unicamente por pedófilos;

3. Querem proteger as espécies em vias de extinção? Muito simples. Escolhe-se um rio e constrói-se... Esperem, esta já fez a EDP.

Nem ao diabo lembra

Então para proteger as espécies em vias de extinção projectam-se barragens? E constroem-se?

Ide mas é enganar o Camões. E o Gonzo alinha nestas merdas...

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Bon Iver - estes rapazes são do melhor